Top 10 Downloads

1 – Microsoft Fix It Center O Microsoft Fix It Center é um software da Microsoft para localizar e consertar os problemas mais comuns do sistema operacional Windows.

Ele é preparado para corrigir mais de 300 problemas comuns. E para funcionar, o Microsoft Fix It Center pede apenas três cliques do usuário: um no tipo de erro e outros dois para autorizar e iniciar a inspeção e conserto do PC. Nada mais.  Feito isso, ele realiza uma rápida análise no Windows e exibe as soluções.

Graças à interface, bem desenhada e com comandos intuitivos, o Microsoft Fix It Center é muito simples de usar. O software, inclusive, pode ser utilizado até por leigos, já que oferece opções para encontrar os erros e reparar o Windows automaticamente, além de um passo a passo para alguns reparos.

O Microsoft Fix It Center conserta uma porção de coisas do Windows. Entre elas, problemas no sistema visual Aero, nas pastas compartilhadas, nas conexões de internet e nos congelamentos do Windows.

Gratuito, o programa é compatível com as versão XP, Vista e 7 do Windows. Para usá-lo, o usuário precisa ter uma conta no Windows Live.

Nome: Microsoft Fix It Center
Fabricante: Microsoft
Licença: Beta
Tamanho: 500 KB
Língua: Inglês
Classificação: Diagnóstico e reparo
Lançamento: 16/04/2010

2 – Avast 5 Free Antivírus O Avast 5, em comparação à versão 4.8, chega totalmente renovado. A principal mudança está na nova interface. O antigo design do programa, muito parecido com um tocador de MP3, foi abandonado completamente.

Agora, o Avast 5 tem um visual igual aos tradicionais softwares da categoria, ou seja, com janelas para cada função. Antes azul, a interface agora é uma mistura de preto com laranja e com as funções bem organizadas e localizadas. Tais características deixaram o tradicional antivírus mais intuitivo e fácil de usar.

Os engenheiros não mudaram só a interface do software. Eles trabalharam também no aprimoramento do código fonte do programa. Os sistemas de caça, detecção e remoção de vírus tiveram melhorias – inclusive nas ferramentas que ficam de olho nos vírus que vêm de software P2P e mensageiros instantâneos. Além disso, eles adicionaram no Avast 5 um recurso para buscar vírus em pen drive e outros tipos de mídias removíveis.

O Avast 5 ainda teve aprimorado o recurso de proteção em tempo real (que analisa o arquivo antes de ser executado). O usuário, agora, pode configurar em que momentos (e para que tipos de arquivos) o tempo real deve funcionar.

Os desenvolvedores adicionaram mais duas novidades no Avast 5. A primeira delas foi o modo silencioso. Neste estado, o programa deixa de exibir determinados alertas de segurança, apesar de estar funcionando e protegendo o micro.

A segunda é um algoritmo especial que fica de olho no que acontece no computador. Qualquer atividade estranha de um programa ou arquivo, o Avast 5 executa uma ação de proteção e alerta o usuário.

Nome: Avast 5 Free Antivirus
Fabricante: Alwil Software
Licença: Freeware
Tamanho: 39 MB
Língua: Português
Classificação: Antivírus
Lançamento: 19/01/2009

3 – AVG 9 Free O antivírus AVG 9 Free chega com boas melhorias. Uma delas é o novo sistema de detecção e remoção de vírus, que é cerca de 50% mais rápido que o da antiga versão.

O popular antivírus ganhou melhorias na inicialização. Segundo os desenvolvedores, o AVG 9 é cerca de 15% mais rápido para carregar no Windows. As melhorias aplicadas no AVG 9 Free afetaram, ainda, a maneira que o software usa a memória do Windows. Com isso, a nova versão consome menos memória na varredura e na proteção em tempo real.

O LinkScanner – sistema de detecção de phishing do AVG 9 – foi aprimorado. Ele ganhou um sistema mais avançado para identificar se uma página tem um código malicioso para roubar informações ou infectar o PC. Além disso, a ferramenta ficou mais rápida.

Apesar das inovações, o AVG 9 não teve muitas alterações na interface. É uma boa notícia, pois o software mantém o visual simples e fácil de usar.

Nome: AVG 9 Free
Fabricante: AVG Technologies
Licença: Freeware
Tamanho: 71 MB
Língua: Português
Classificação: Antivírus
Lançamento: 15/10/2009

4 – Glary Utilities 2 – O Glary Utilities é um canivete suíço digital. Ele oferece, num único pacote, uma série de aplicativos para o internauta melhorar o desempenho do Windows que apresenta travamentos ou sintomas de lentidão.

O programa tem ferramentas especiais para apagar aqueles arquivos inúteis que ocupam espaço demais e deixam o Windows com baixo desempenho. Também tem um recurso específico para analisar o Registro do sistema operacional e dar fim às entradas que afetam o funcionamento de diversos programas.

Na interface intuitiva e com funções separadas por botões, o internauta encontra com facilidade os recursos para desfragmentar os dados do disco rígido e da memória do PC. Como esses recursos, os botões para desinstalar software e dar cabo aos dados que deixam o navegador lento também são simples de localizar e usar – em parte, graças aos comandos autoexplicativos do Glary Utilities.

O software tem ainda opções básicas e avançadas em todos os recursos. Internautas mais leigos, por exemplo, podem usar algumas funções do Glary Utilities  (como a que apaga dados de sistema inúteis) sem medo de danificar o Windows. Já aqueles que contam com um bom conhecimento técnico encontram no programa ferramentas avançadas para otimizar o Windows, como a que desabilita processos e aplicativos que inicializam junto com o sistema operacional.

O Glary Utilities, é bom dizer, é bem pequeno e não ocupa mais do que 10 MB de espaço no Windows depois de instalado. Apesar da grande quantidade de recursos, o software consome pouca memória e processamento. Por isso, não afeta o desempenho dos outros programas.

Nome: Glary Utilities 2
Fabricante: Glarysoft
Licença: Freeware
Tamanho: 5.57 MB
Língua: Português/Inglês
Classificação: Diagnóstico e reparo
Lançamento: 23/09/2009

5 – Imagens Perfeitas da Terra Wallpapers – Esse pacote traz dois papéis de parede com a Terra em suas cores originais. Os dois cliques são da NASA. A agência usou uma série de observações, e cada quilômetro quadrado do planeta foi fotografado e usado na composição dessa foto.

A maior parte das informações da imagem veio do Moderate Resolution Imaging Spectroradiometer, ou MODIS, instrumento a bordo do satélite Terra que sobrevoa o planeta a 700 km da superfície. Com seus sistemas integrados de observações do solo, oceano e atmosfera, o satélite coletou imagens entre junho e setembro de 2001.

Outras instituições também colaboraram com o projeto. As luzes das cidades, por exemplo, derivaram de nove meses de observações do Defense Meteorological Satellite Program.

Nome: Imagens Perfeitas da Terra Wallpapers
Fabricante: NASA
Licença: Freeware
Tamanho: 700 KB
Classificação: Papéis de Parede
Lançamento: 01/03/2010

6 – WinUtilities Free – O WinUtilities é um freeware que não pode faltar de jeito nenhum no micro de quem quer manter o Windows sempre em ordem. O programa apresenta, numa bela interface, diga-se, um monte de recursos para: reparar e limpar arquivos, otimizar e melhorar o desempenho do sistema, aumentar a segurança e privacidade, proteger e trabalhar com arquivos e pastas, e, ainda por cima, ajustar o registro e desfragmentar o disco.

O usuário pode até falar que o Windows tem as mesmas funções do programa. E, em tese, é verdade. Só que elas não estão tão acessíveis e fáceis de usar como estão no WinUtilities Free. O programa dá um trato nessas ferramentas e exige apenas um clique do mouse para desinstalar programas chatos, gerenciar os programas que iniciam juntos com o Windows, recuperar arquivos apagados, encontrar dados duplicados no HD e realizar um backup completo do Registro do Windows, entre outras dezenas de trabalhos.

Para os mais apressados, o WinUtilities Free oferece uma ferramenta chamada “1-Click Maintanance”. Com apenas um comando, ela vasculha cada pedacinho do PC com um único objetivo: deixá-lo em ordem, ou seja, sem arquivos inúteis no sistema e no browser e com o Registro totalmente reparado de possíveis erros.

O software integra ainda um pacote de ferramentas de sistema mais aprimoradas quando comparadas ao do Windows. Chamadas de System Tools, elas permitem que o usuário veja e controle arquivos de sistemas, como o System.ini e o Win.ini. E, além disso, veja informações do sistema e programe o desligamento automático do PC. Essa parte do WinUtilities Free é um recurso e tanto para quem trabalha com manutenção de computadores.

O WinUtilities Free só tem um problema: ele não oferece agendamento de tarefas. Contudo, ela pode ser habilitada. Mas o usuário deve desembolsar cerca de 40 dólares.

Nome: WinUtilities Free
Fabricante: YL Computing
Licença: Freeware
Tamanho: 6.8 MB
Língua: Inglês
Classificação: Diagnóstico e Reparo
Lançamento: 10/03/2010

7 – Windows 7 Theme Pack – Você não aguenta mais os temas padrões do Windows 7? O Windows 7 Theme Pack é a sua salvação. Tem uma razão: o software – que é totalmente gratuito – adiciona 22 opções de temas no sistema operacional. Os motes dos temas são variados: tem um do Homer Simpson, outro com a imagem de uma cidade, um com fotos do campo… por aí vai. Como os demais temas do Windows 7, eles ocupam pouco espaço no disco. Para instalá-los, basta clicar duas vezes em cima do tema desejado. Feito isso, o desktop do Windows 7 é alterado e o tema respectivo vai para dentro do Painel de Controle, na opção Aparência e Personalização.

Nome: Windows 7 Theme Pack
Fabricante: ithinkdifferent
Licença: Freeware
Tamanho: 27 MB
Língua: Português
Classificação: Temas
Lançamento: 16/11/2009

8 – Microsoft Office 2010 Beta – O Office 2010 Beta apresenta as novidades que estarão na nova versão da suíte de escritório da Microsoft, prometida para estreiar no próximo ano.

Entre as mais importantes estão a sincronização de arquivos na nuvem da internet, a tradução automática de textos em 16 idiomas e ainda, melhorias no código fonte – que deixaram o  desempenho e os recursos dos programas Word, OneNote, Excel, PowerPoint e Acess bem melhores e rápidos. A Microsoft também apresenta no beta o novo layout do Office, que é um pouco diferente da atual versão, a 2007.

Polimento na interface

As principais mudanças que afetam todos aplicativos do pacote estão na interface gráfica. O Office 2007 iniciou a transição dos tradicionais menus e barras de ferramentas para a interface baseada em faixa de opções. Na edição 2010, essa transição se completa. Todos os aplicativos, incluindo Access, Publisher e OneNote, passam a usar a nova interface. Mas a melhor notícia é que a Microsoft aparou muitas das arestas que eram fonte de reclamações no Office 2007. Vários controles foram reposicionados ou tiveram seus ícones alterados para facilitar o acesso. Agora é possível personalizar a interface arrastando ícones com o mouse, como nas antigas barras de ferramentas. E também ficou mais fácil ocultar a faixa de opções para liberar espaço na tela. Basta clicar num botãozinho.

Outra mudança é que o botão Office, que dá acesso às operações com arquivos na edição 2007, foi substituído por uma guia com a palavra Arquivo, como nos velhos menus. A marcha a ré é sensata. O botão redondo não era um local óbvio para comandos como Abrir, Salvar e Imprimir. Agora, eles ficam no que a Microsoft chama de Backstage. Nessa janela, acionada pela guia Arquivo, os controles foram reorganizados para que as principais funções ficassem ao alcance de um clique. Há, por exemplo, várias opções de formatos de impressão. Basta clicar numa delas para imprimir o documento no padrão escolhido.

O Word edita fotos

O processador de textos Word, que está no mercado há mais de um quarto de século (a primeira versão, para o sistema Xenix, é de 1983), agora ganha recursos para a edição de fotos, presentes também no PowerPoint. Esses recursos permitem fazer ajustes simples de luminosidade, contraste e cor, além de aplicar molduras, sombras e reflexos às fotos. Quando se clica sobre uma imagem, o Word exibe a guia Ferramentas para Fotos na faixa de opções. Nela, ícones representam os efeitos. Basta posicionar o cursor sobre um deles para ver o resultado. Há, também, uma ferramenta para separar o objeto do fundo na foto.

Nas versões anteriores do Word, títulos com sombras, reflexos e auras eram criados por meio do componente WordArt e incorporados ao documento como objetos. No Word 2010, esses efeitos podem ser aplicados a texto comum e podem fazer parte de estilos de parágrafos. O WordArt continua presente para manter a compatibilidade com documentos antigos. A Microsoft também melhorou o painel de navegação exibido no lado esquerdo da tela. Agora, ele pode mostrar a estrutura de tópicos, miniaturas das páginas (como no Word 2007) ou uma área para buscas. Neste último caso, trechos com o texto pesquisado são listados no painel, como nos mecanismos de pesquisa da web. Para empresas que usam o servidor SharePoint, da Microsoft, outra novidade é a possibilidade de várias pessoas editarem um documento ao mesmo tempo.

O Excel liga o turbo

Mesmo estando ainda em fase beta, o Excel 2010 é muito mais veloz que o 2007.

O aumento de velocidade é bem-vindo para quem lida com planilhas muito grandes. Um exemplo extremo é o da construtora Even, que monta uma planilha para cada prédio que constrói. No Excel, a empresa lança custos de materiais, dados financeiros, estimativas de vendas e muitas outras informações, somando milhares de linhas na planilha. Para fazer seu planejamento, a Even consolida dados de mais de uma centena de obras numa única planilha de 250 megabytes. Isso permite, por exemplo, estimar qual será o retorno dos investimentos em vários cenários econômicos. “Essa planilha é grande demais para o Excel 2003. Usamos o 2007. Mas já estamos avaliando o 2010”, diz Eduardo Martins, gerente de estudos econômicos da Even.

Há dois recursos inéditos no Excel 2010 que merecem destaque. O primeiro é o que a Microsoft vem chamando, em inglês, de Sparklines, minigráficos que ocupam o espaço de uma célula. O outro destaque é o Slicer, ferramenta que facilita a análise de dados por meio de tabelas dinâmicas. Com o Slicer, fica mais fácil filtrar informações segundo determinados critérios. No registro de vendas de uma empresa, por exemplo, o Slicer permite alternar, com um clique, entre dados agrupados por vendedor, tipo de produto, região e outros critérios.

O PowerPoint vira cinema

Vídeo e animação são palavras de ordem no PowerPoint 2010. Parece que a Microsoft percebeu que apresentações com as tradicionais listas de tópicos podem ser soporíferas. E, em tempo de YouTube, o vídeo pode ser uma solução para esse problema. O PowerPoint 2010 tem ferramentas que permitem selecionar facilmente um trecho de filme e inseri-lo na apresentação. Também oferece molduras, sombras e mudanças de coloração que podem ser aplicadas ao vídeo. Além disso, a apresentação inteira pode ser exportada em forma de vídeo, algo conveniente para publicação na web.

Na parte de animação, uma ferramenta nova é o Pincel de Animação. Ele lembra o Pincel de Formatação. Mas, em vez de transferir os formatos de um elemento a outro, transfere os movimentos. Outra novidade é que o aplicativo passa a empregar o hardware da placa de vídeo para processar os gráficos, como fazem os jogos 3D. Isso viabiliza efeitos de transição mais elaborados e com visualização instantânea. Basta posicionar o mouse sobre o ícone que representa um deles para vê-lo em ação.

O Outlook imita o Gmail

O aplicativo que mais mudou no Office 2010 é o Outlook. Nele, as mensagens passam a ser agrupadas por assunto, como no Gmail. Um novo recurso chamado Quick Steps cria pequenas macros para manuseio de mensagens com facilidade. Pode-se, por exemplo, definir uma rotina para, com um clique, mandar uma mensagem para uma pasta específica. É algo que fazia falta no Outlook. Menos útil, talvez, mas em sintonia com o momento atual, é o chamado Conector Social. Esse painel mostra informações de redes sociais e do servidor SharePoint. Se a pessoa abre uma mensagem, pode ver dados atualizados do remetente. Por fim, há uma função de utilidade discutível que avisa quando o usuário tenta realizar uma ação suspeita, como enviar uma mensagem a muitos destinatários.

Planilhas gigantes

Como o Excel 2007, o 2010 processa planilhas com, no máximo, 1 milhão de linhas e 16000 colunas. Quem achar pouco pode instalar o acessório PowerPivot, da Microsoft. Ele oferece ferramentas extras para análise de dados e amplia a capacidade do Excel x64 para centenas de milhões de linhas.

Nome: Microsoft Office 2010 Beta
Fabricante: Microsoft
Licença: Beta
Tamanho: 650 MB
Língua: Inglês
Classificação: Suíte de escritório
Lançamento: 18/11/2009

9 – Corretor da nova ortografia para o Office a Microsoft liberou para download o pacote para atualizar o corretor ortográfico do Office 2007 e deixá-lo de acordo com as novas regras ortográficas da Língua Portuguesa.

O pacote é bem pequeno (tem cerca de 5 MB) e gratuito. O software, aliás, é simples de ser instalado: basta rodar o executável que, automaticamente, ele altera os corretores ortográficos do Word, PowerPoint e Excel.

Um detalhe importante: o pacote de atualização só pode ser instalado nos Windows XP e Vista atualizados com o Service Pack 2.

Feita a instalação, o corretor corrige as palavras de acordo com as novas normas ortográficas da Língua Portuguesa, que passaram a valer no começo de 2009.

Nome: Corretor da nova ortografia para Office 2007
Fabricante: Microsoft
Licença: Freeware
Tamanho: 5.4 MB
Língua: Português
Classificação: Suíte de escritório
Lançamento: 14/10/2009

10 – Memory Improve Master O programa Memory Improve Master é um aliado de quem tem pouca memória no computador. Por um motivo: o freeware tem a nobre missão de ajudar o usuário a gerenciar a memória livre do sistema.

Assim que é executado, o programa exibe um gráfico com informações sobre a utilização da memória e da CPU. Com os dados, o internauta identifica se existe algum programa consumindo recurso demais e à toa.

Caso tenha, o usuário pode usar o próprio programa para liberar a memória, automaticamente, deixando o computador mais rápido. Para isso, basta apertar o comando Free, na intuitiva interface do software.

Além disso, o Memory Improve Master também pode ser configurado para ficar de olho na memória e limpá-la, automaticamente, de tempos em tempos – desse modo, dá para evitar que programas fiquem consumindo recursos do sistema sem necessidade.

Nome: Memory Improve Master Free Version
Fabricante: Memory Improve Master Studio
Licença: Freeware
Tamanho: 4.52 MB
Língua: Inglês
Classificação: Otimizadores de desempenho
Lançamento: 10/12/2009

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: