Como baixar vídeos que não estão no YouTube

Muitas vezes é complicado copiar um vídeo que não está no YouTube ou não tem uma URL amigável. Por alguma razão, certos criadores de sites escondem o arquivo no código ou dificultam a sua vida utilizando tecnologias obscuras de streaming. A seguir, duas maneiras de resolver isso. Confira.

Para fazer o download desse conteúdo há dois caminhos, um mais simples e outro mais elaborado. O mais simples é usar o Orbit Downloader, um plugin para seu browser que captura o link do vídeo ou da música executada e começa o download. É bem simples, basta um click e pronto. Ele funciona na maioria dos casos, mas, às vezes, é preciso apelar para a captura direta da transmissão.

Quem resolve essa parada é o WebVideoCap. Ele captura os arquivos de vídeo exibidos no formato Flash, Windows Media ou streams RTSP/MMS, mesmo que eles estejam escondidos ou protegidos. Basta rodar o software, escolher uma pasta para salvar os vídeos e clicar em Start Capture. Enquanto o vídeo rola no navegador, o software já começa a captura. Para que ele funcione corretamente, no entanto, é preciso que sua placa rode com um driver WinPCap, que você encontra na página da fabricante.

Converta vídeos automaticamente para o player iPod com o iPodifier

iPodifier

Para quem vive assistindo conteúdo no iPod Video, pode ser uma boa idéia fazer conversões automáticas de vídeos.

O iPodifier é uma ferramenta feita exatamente para esse fim. Basta indicar uma ou mais pastas para que o programa fique monitorando e converta automaticamente quaisquer vídeos que apareçam no diretório.

É perfeito, portanto, para mandar para o iPod vídeos baixados em programas de P2P.

O iPodifier integra-se com o iTunes para listagem e sincronia dos vídeos.