Aprenda a tirar seus pneuzinhos usando o Photoshop

Antes de qualquer coisa, uma recomendação: Use com moderação.

Hoje em dia é quase impossível acreditar que as fotos das mulheres que fazem ensaios sensuais para revistas não passem por uma sessão de Photoshop antes. O aplicativo é usado para consertar praticamente tudo, seja tirando algumas pequenas imperfeições do corpo (que, diga-se de passagem, são naturais), seja para aumentar algumas partes do corpo menos enxutas. Só que esse tratamento todo especial não é exclusividade das celebridades. Você também pode fazer isso nas suas fotos e ficar com um corpinho de dar inveja a qualquer um.

Chegou a hora de tirar aqueles pneuzinhos que estão sobrando, as estrias que insistem em sobressair e também, por que não, dar mais curvas ao seu corpo! E tudo isso sem ter que entrar na faca. Mas não é por causa disso que você não precisará ter cuidado e bom senso nas ‘operações’ digitais.

Para começar, o ideal é escolher uma foto que tenha um fundo sólido, com apenas uma cor, ou talvez desfocado, para que as alterações realizadas não fiquem com o ar muito falso. Escolhida a foto, vamos ao passo a passo:

Passo 1. Abra a imagem no Photoshop e duplique a camada (layer) para manter a original como cópia de segurança.

Passo 2. Acesse o filtro Liquify (Ctrl+Shift+X), que é o grande responsável por “consertar” as imperfeições. Selecione a ferramenta Forward Wrap Tool (W) e escolha o tamanho do pincel (Brush Size) que se adapte melhor à imagem.

Passo 3. Nos locais onde você quiser tirar os pneuzinhos, comece a passar a ferramenta moderadamente, até chegar à forma ideal. Para melhorar os detalhes, dê um zoom na imagem e diminua o tamanho do pincel.

Passo 4. Depois de ter feito as alterações no filtro Liquify, é hora de tirar um pouco das sombras que estão no corpo, deixando a pele mais lisa e sem ‘pneuzinhos’. Selecione a ferramenta Dodge Tool (O), escolha o tamanho do pincel e o mude o “Range” para “Midtones”. Passe o pincel nos locais mais escuros, para tirar um pouco da sombra.

Passo 5. Feito isso, vamos arrancar as estrias da pele! Para isso, use a ferramenta Clone Stamp Tool (S), que nada mais é que uma ferramenta para copiar uma parte (perfeita) da imagem para a outra (imperfeita), sobrepondo-a. Próximo ao local da estria, dê um clique o botão esquerdo do mouse enquanto você aperta a tecla Alt, selecionando uma área sem defeitos, que vai substituir a estria. Depois, sem a tecla Alt pressionada, clique sobre a estria e siga desenhando sobre ela, até que a marca suma completamente.

Passo 6. Para finalizar, as alterações feitas com o filtro Liquify deformam um pouco a imagem, então utilize a ferramenta Blur nos locais onde você fez alterações. Assim você devolverá um pouco da naturalidade da foto.

Como mudar a cor do cabelo no Photoshop

O Photoshop é um software completo. São vários os recursos e ferramentas oferecidas aos usuários, e há quem diga que, conhecendo-se todos eles, é possível fazer praticamente qualquer coisa. Confira neste tutorial como mudar a cor do cabelo de alguém em uma foto. Veja abaixo:

Passo 1. Escolha uma imagem e abra-a no Photoshop.

Passo 2. Clique em “Edit in Quick Mask Mode” ou aperte a tecla Q.

Passo 3. Selecione a ferramenta “Brush Tool” ou aperte a letra “B”.

Passo 4. Clique em “Click to open the Brush Preset picker” (seta preta ao lado das opções de Brush).

Passo 5. Defina o nível “Hardness” para 0%.

Passo 6. Selecione toda a área do cabelo. Para maior precisão, ajuste o tamanho do brush e o nível de zoom.

Passo 7. Terminada a seleção, clique em “Edit in Standart Mode” ou aperte a letra Q novamente.

Passo 8. A área selecionada deve ser todo o resto da foto, deixando apenas o cabelo sem seleção. Para inverter essa seleção, depois, clique em “Select” e, em seguida, selecione a opção “Inverse” (atalho: Ctrl+Shift+I).

Passo 9. Com o cabelo selecionado, clique em “Adjustments” e selecione o recurso “Hue/Saturation”. O atalho para essa função é o comando Ctrl+U.

Passo 10. Na janela da ferramenta, marque a opção “Colorize”, no canto inferior direito.

Passo 11. Ajuste a barra “Hue” para definir o tom de cor desejado.

Passo 12. Mova o cursor pela barra “Saturation” para escolher a intensidade da cor.

Passo 13. Na barra “Lightness”, ajuste o nível de luminosidade. Cuidado para não escurecer ou clarear muito o cabelo e perder os detalhes.

Passo 14. Clique em “OK” e confira o resultado.

Agora você poderá brincar à vontade com as variações de cor do seu cabelo no Photoshop, sem correr o risco de ficar insatisfeito e arrependido depois. Os mesmos passos acima podem ser aplicados em diferentes situações, como, por exemplo, para mudar a cor de uma camisa ou para mudar a cor dos olhos.

Como tirar fotos decentes com o celular

Você troca de celular e suas fotos continuam aquela mesma porcaria? Flash demais, luz de menos, tudo tremido? Abaixo você confere oito coisas simples que podem ser feitas para evitar esse desperdício de pixels.

A ideia desse post veio depois da série que o blog Mashable fez sobre fotografia, em parceria com um time de especialistas da Adobe. Abaixo há um resumo dos toques que eles deram sobre fotografia com o celular.

1 Porcoshop

É simples demais, mas muita gente esquece essas duas coisas básicas. Antes de fotografar, dê uma limpadinha na lente e configure o celular para gravar as fotos com o máximo de resolução disponível. Sempre.

2 – Brinque com a iluminação

Tire a mesma foto com e sem flash, experimente mudar os elementos da foto de lugar para que a luz também mude e, claro, use todas as configurações que o seu telefone oferece. Geralmente até nos modelos mais simples é possível aumentar o tempo de exposição e mudar o nível de branco, dois itens que fazem muita diferença.

3 – Flash personalizado

Smartphones com flash de LED às vezes estragam as fotos pelo excesso de luz. Um jeito de suavizar isso é colocar um pedacinho de papel na frente do flash. Nem sempre funciona, mas pode quebrar um galho.

4 – Clique preciso

Veja se a foto do seu celular é tirada quando o botão é apertado ou quando o botão é solto. Esse pequeno detalhe pode fazer muita diferença na hora de capturar uma imagem em movimento.

5 – Tripé pra quê?

Improvise uma base para fotografar. O mais fácil é usar uma mesa ou móvel para apoiar o aparelho na hora do clique. Num lugar aberto, você pode se agachar e apoiar o celular no joelho.

6 – Zoom, não

Claro que isso depende muito do smartphone que você está usando, mas quase nunca vale a pena ativar o zoom da câmera do celular. A melhor opção é chegar mais perto do objeto. Zoom digital? Nunca.

7 – Charme em PB

Fotos em preto-e-branco podem ser úteis para melhorar a nitidez de texturas. Para experimentar esse efeito, você pode fotografar diretamente em PB ou então usar o Photoshop para remover as cores e depois aumentar o contraste.

8 – Ficou ruim? Faça arte!

Se tudo falhar, empine o nariz e finja que você é muito descolado. Fotos desfocadas, borradas e escuras podem ser consideradas como arte. Faça experiência com aplicativos como o Instagram (para iPhone) ou o FxCamera (para Android). Eles adicionam efeitos legais que podem salvar uma foto ruim da lixeira.

Aprenda a mudar a cor dos seus olhos com o Photoshop

Se você é uma pessoa frustrada por não ter nascido com belos olhos azuis ou verdes, ou simplesmente gosta de brincar e realizar modificações em suas fotos, vai adorar esse tutorial, onde ensinaremos como mudar a cor dos olhos utilizando uma ferramenta simples do Photoshop. Para isso, basta escolher uma foto para teste e acompanhar o passo a passo abaixo.

Passo 1. Abra a foto escolhida no Photoshop.

Passo 2. Clique em “Edit in Quick Mask Mode” ou aperte a tecla Q.

Passo 3. Selecione a ferramenta “Brush Tool”. (letra B)

Passo 4. Clique na seta preta na barra horizontal superior (“Click to open the Brush Preset picker”), ao lado das opções de Brush.

Passo 5. Defina o nível “Hardness” para 0%.

Passo 6. Selecione a cor preta e ajuste o tamanho do Brush (“Master Diameter”) com o tamanho da Íris do olho.

Passo 7. Clique sobre a área que terá a cor alterada, deixando-a com uma seleção vermelha.

Passo 8. Aperte novamente a letra “Q”, ou clique em “Edit in Standart Mode”.

Passo 9. Clique sobre a opção “Select” e, em seguida, selecione a opção “Inverse” (atalho: Ctrl+Shift+I).

Passo 10. Clique no menu “Adjustments” e selecione a ferramenta “Hue/Saturation” (atalho: Ctrl+U)

Passo 11. Deslize o cursor pela barra “Hue” até atingir a cor desejada e então clique em “OK”.

Simples, não? Agora você poderá realizar vários testes com diferentes tons e deixar seus olhos com a cor que quiser. No exemplo acima, a cor escolhida foi um tom de verde, mas nada impede que você opte por utilizar cores diferentes em suas fotos.

Aprenda a remover o “olho vermelho” de suas fotos

O efeito olho vermelho (red-eye effect, em inglês) em fotos é um grande pesadelo para muitas pessoas. Você tira aquela foto ótima – muitas vezes em situações que você não terá a oportunidade de vivenciar novamente – e, quando vai conferir a foto, todos os presentes saíram com o tão temido olho vermelho. Mas essa tragédia fotográfica está com os dias contados. Com esse breve tutorial, você aprenderá uma forma simples de corrigir esse defeito com o Photoshop e deixar suas fotos ainda melhores.

Passo 1. Abra a foto a ser corrigida no Photoshop.

Passo 2. Clique na opção “Edit in Quick Mask Mode” ou aperte a tecla Q para utilizar o atalho de teclado.

Passo 3. Selecione a ferramenta “Brush Tool” (atalho: B)

Passo 4. Clique na seta preta na barra horizontal superior (“Click to open the Brush Preset picker”), ao lado das opções de Brush.

Passo 5. Defina o nível “Hardness” para 0%.

Passo 6. Com a cor preta selecionada, clique sobre a parte vermelha dos olhos. Uma seleção vermelha irá aparecer.

Passo 7. Aperte Q novamente, ou clique em “Edit in Standart Mode”.

Passo 8. No menu, clique sobre a opção “Select” e, em seguida, selecione a opção “Inverse”. O atalho para essa função é Ctrl+Shift+I.

Passo 9. Acesse o menu “Adjustments” e selecione a ferramenta “Hue/Saturation”.

Passo 10. Clique na seta da segunda caixa, onde está escrito “Master”, e selecione somente o canal “Reds” (atalho: Alt+3).

Passo 11. Altere o valor de Lightness (luminosidade) para – 100 e clique em “OK”.

Existem várias maneiras de realizar o mesmo tipo de correção, mas essa alternativa é a mais recomendada por ser uma forma que combina simplicidade e eficiência. Caso você prefira, o próprio Photoshop possui uma ferramenta específica, a Red Eye Tool (atalho: J), que realiza a mesma função de maneira automática.

Como remover espinhas no Photoshop com apenas alguns cliques

O Photoshop é um grande aliado na hora de corrigir imperfeições do corpo e falhas no momento da foto, tanto que é usado por muitos profissionais para tratar fotos de modelos de revistas e catálogos de moda. Porém, existem algumas ferramentas que podem ser utilizadas por nós, usuários comuns, para corrigir pequenos detalhes que insistem em atrapalhar o visual de nossas fotos, como uma espinha, por exemplo.

Com esse breve tutorial você irá aprender uma forma super simples de remover espinhas, rugas e pequenas manchas da pele, melhorando a sua aparência nas fotos em poucos minutos.

Passo 1. Abra a foto que deseja corrigir no Photoshop.

Passo 2. Com a foto aberta, selecione a ferramenta “Healing Brush Tool”.

Passo 3. Clique em “Brush” e deslize o cursor da barra “Diameter” até que o círculo envolva as espinhas.

Passo 4. Pressione a tecla “Alt” e clique em uma área limpa da pele, próxima a espinha que será removida.

Passo 5. Clique com o botão esquerdo do mouse sobre a espinha ou clique e arraste o cursor pela região da pele com as espinhas.

Agora você pode comer chocolate à vontade, sem se preocupar em ter suas fotos prejudicadas pelo surgimento de espinhas. Uma recomendação para todo tipo de modificação no Photoshop é que a foto tratada seja salva como um novo arquivo (“Save As…”), preservando a foto original e permitindo modificações futuras caso algo não saia de acordo com o pretendido.

Aprenda a deixar suas fotos com aparência de foto antiga

Durante muito tempo, os fótografos se esforçavam, com a tecnologia disponível na época, para deixar suas fotos com a melhor qualidade possível. Por ironia do destino, umas das maiores tendências atualmente é justamente o estilo retrô, onde o objetivo é simular a aparência antiga em diferentes itens modernos, desde geladeiras e rádios a camisas e fotografias.

No campo fotográfico, em particular, existe um grande interesse dos usuários em simular a aparência de foto antiga em suas imagens. Apesar de esse efeito reduzir a “qualidade” das fotos (de acordo com os padrões atuais), temos que admitir que o estilo retrô tem o seu charme e valor. Por isso, nesse tutorial ensinaremos uma forma rápida de levar os pixels de suas fotos digitais de volta para a década de 60.

Passo 1. Escolha a imagem a ser trabalhada e abra-a no Photoshop.

Passo 2. Na barra de menus, clique em “Image”, selecione a opção “Adjustments” e, em seguida “Hue/Saturation”. Caso prefira, utilize o atalho Ctrl+U.

Passo 3. Marque a opção “Colorize”, no canto inferior direito.

Passo 4. Defina os valores a seguir: Hue: 41, Saturation: 35, Lightness: -5 e clique em “Ok”.

Passo 5. Clique novamente em “Image”, “Adjustments” e, dessa vez, selecione a opção “Color Balance”.

Passo 6. Na janela de ajustes, selecione a opção “Shadows”, em “Tone Balance”.

Passo 7. A seguir, defina os valores +5, 0 e -15, respectivamente, e clique em “Ok”.

Passo 8. Crie um novo “Layer” (camada), clicando em “Create new layer” ou pelo atalho Ctrl+Shift+N.

Passo 9. Aperte a tecla D para definir as cores de primeiro e segundo plano para preto e branco.

Passo 10. Inverta as opções de cor de fundo apertando a tecla X.

Passo 11. Selecione a ferramenta “Paint Bucket” (atalho: G) e pinte o novo layer de branco.

Passo 12. Selecione a opção “Filter” no menu, clique em “Texture” e em “Grain…”.

Passo 13. Ajuste a barra “Intensity” para o nível máximo (100) e a barra “Contrast” para 80.

Passo 14. Defina o “Grain Type” como “Vertical” e clique em “Ok”.

Passo 15. Mude o Blending mode do novo layer para “Multiply”.

Passo 16. Clique em “Add layer mask” (terceiro ícone da esquerda para a direita).

Passo 17. No menu, clique em “Filter”, selecione a opção “Render” e escolha o item “Difference Clouds”.

Passo 18. Adicione um terceiro “layer” (camada).

Passo 19. Selecione a novamente a ferramenta “Paint Bucket tool” (atalho: G).

Passo 20. Defina a cor com os seguintes valores: C: 56%, M: 49%, Y: 48%, K: 14% e pinte a nova camada.

Passo 21. Acesse o menu “Filter”, selecione a opção “Noise” e clique em “Add Noise…”

Passo 22. Marque a caixa “Monochromatic” e defina 15 como valor de “Amount”.

Passo 23. Escolha o Blending mode “Overlay” para o layer.

Passo 24. Clique no primeiro layer e, segurando o Shift, clique no último.

Passo 25. Aperte o atalho Ctrl+E para mesclar todas as camadas.

Passo 26. Acesse o menu “Layer”, clique em “Duplicate Layer…” e dê “Ok”.

Passo 27. Mude o layer duplicado para o blending mode “Soft Light”.

Passo 28. Clique novamente em “Filter”, acesse a opção “Blur” e clique em “Gaussian Blur…”

Passo 29. Defina o nível de “Radius” para 1,5 e dê “Ok”.

Passo 30. Altere a opacidade (Opacity) do layer duplicado para 60%.

Passo 31. Clique em “Image”, escolha a opção “Adjustments” e clique em “Brightness/Contrast…”

Passo 32. Defina os níveis “Brightness” e “Contrast” para 80 e -20, respectivamente, e clique em “Ok”.

Agora você poderá deixar qualquer imagem digital com aspecto de foto antiga. A imagem utilizada neste tutorial é uma foto do bonde de Santa Teresa. Com o tratamento aplicado à imagem, simulamos o ambiente do Rio de Janeiro antigo.

Caso queira, baixe a foto para o seu computador e tente reproduzir o resultado final. Construções, carros e fotos de pessoas também são uma boa opção para a utilização desse tipo de efeito.