Perguntas e respostas sobre a TV 3D

 

Panasonic PVT25

 

  • O que é a TV 3D?

TV 3D é um termo genérico para denominar a possibilidade de usuários experimentarem assistir a programas de TV, filmes, jogos de videogame e outros conteúdos de imagem com recurso de vídeo estereoscópico. Esse efeito é criado pela adição de uma terceira dimensão, que seria a ilusão de profundidade, além de altura e largura, que já é exibida pela TV normal.

  • Como a imagem 3D é obtida?

Essa ilusão é criada pela exibição simultânea de duas imagens idênticas mas ligeiramente separadas uma da outra: uma delas é para ser vista com o olho direito e a outra pelo olho esquerdo. Isso acontece porque os olhos de um adulto ficam distantes, um do outro, cerca de seis centímetros, ou seja, com pequenas diferenças de ângulo de visão entre a vista esquerda e a direita. Quando o usuário utiliza os óculos especiais, essas duas imagens são mixadas e simulam assim uma terceira dimensão.

  • Como essa tecnologia 3D se diferencia do antigo 3D que conhecíamos?

Os primeiros filmes ou fotos em 3D eram baseados no sistema de anaglifos, que utilizavam óculos com uma lente azul e outra vermelha. O resultado era quase sempre uma imagem de baixa resolução e pouca cor. O principal avanço dessa nota tecnologia 3D é a possibilidade de utilização de tocadores de blu-ray com resolução 1080p ou de TV com resolução normal, mas ainda assim bem melhora do que a dos antigos 3D. A principal evolução do novo sistema é a utilização de óculos LCD com obturador ativo. Isso significa que cada uma das lentes irá piscar se alternando à outra, com uma velocidade de 120 quadros por segundo. Estes óculos deverão ser sincronizados com a TV e terão bateria recarregável com duração aproximada de 80 horas.

  • Qual a diferença entre o sistema de TVs e o dos cinemas?

Apesar de ambos se basearem no sistema primário de exibir duas imagens levemente deslocadas, a principal diferença é o tamanho da tela e a consequente abrangência dentro de uma sala. Como a tela da TV é menor, talvez seja necessário sentar-se mais próximo do aparelho de TV para conseguir ter uma experiência mais agradável de 3D. Além disso, os óculos também são diferentes. Nos cinemas 3D são utilizados óculos polarizados. P.S.: Não vai adiantar nada afanar um óculos do cinema porque ele não funciona nas novas TVs 3D.

  • Qualquer um é capaz de ver imagens 3D?

Não. Cerca de 5 a 10% dos americanos sofrem de ambliopia, que é uma deficiência visual que impede a percepção de três dimensões. P.S.: Se existe um índice desses nos EUA, tudo indica que aqui no Brasil esse número de 5 a 10% também se repita). Com o uso dos óculos, estas pessoas poderão assistir aos filmes sem nenhum problema, mas a imagem será apenas 2D.

  • Assistir filmes 3D causa dor de cabeça?

Para curtos períodos não foi comprovado nenhum problema, mas algumas pessoas se queixam de dor de cabeça após longos períodos de exposição a imagens 3D. Isso tem sido uma preocupação das empresas que produzem conteúdo 3D, assim como eles também se preocupam em produzir materiais diferenciados para crianças, já que elas têm uma distância menor entre suas vistas.

 

Óculos especiais com bateria recarregável

  • É obrigatório usar óculos especiais para ver a TV 3D?

Sim. Todos que estão na sala de TV precisam usar os tais óculos. Infelizmente ainda não existe uma forma da TV exibir simultaneamente imagens 2D e 3D. No momento, há dois tipos de óculos 3D. O formato mais adotado pelos fabricantes de TV é o de óculos ativos. Eles possuem camadas de LCD em suas lentes, que abrem e fecham em sincronia com a TV para criar o efeito tridimensional. SOny, Panasonic, Samsung e Toshiba usam esse padrão. Há ainda os óculos polarizados. Eles são usados nas atuais salas de cinema 3D, mas não devem emplacar nas TVs. Algumas empresas já trabalham no desenvolvimento de TVs 3D que dispensam óculos. Mas por enquanto, isso está restrito aos laboratórios dos fabricantes. Esses protótipos exigem que o espectador fique em uma posição fixa e a uma determinada distância do aparelho. Qualquer movimento desfaz o efeito.

  • TVs de plasma e LCD podem receber novo software para exibir imagens 3D?

Na verdade, você vai precisar comprar aparelhos de TV novos se quiser ter uma TV 3D. Nenhum fabricante anunciou até o momento a possibilidade de adaptação ou upgrade para a exibição de imagens 3D.

  • Será necessário comprar novos tocadores de blu-ray, videogame ou home theater?

Sim. A única exceção é o sistema Play Station 3. A Sony anunciou recentemente que irá soltar uma atualização do seu sistema até o final de 2010 que permitirá que o mesmo aparelho que hoje roda jogos e filmes blu-ray em 2D também o faça em 3D, com a mesma resolução de 1080p. A única dúvida que paira no ar é que a Panasonic afirma que para se ter uma conexão Full HD em 3D, será necessário um cabo HDMI 1.4. E até o momento, o PS3 não dispõe de uma saída desse tipo, mas vale esperar para saber como isso deve acontecer.

  • Posso usar os meus cabos HDMI antigos?

Provavelmente não. Quase todos os fabricantes têm anunciado que para se obter imagem com altíssima resolução Full HD será necessário o uso de cabos HDMI 1.4.

  • Será possível assistir em 3D qualquer coisa produzida em 2D?

Durante a CES 2010, a Samsung e a Toshiba anunciaram que seus aparelhos terão conversores embutidos que permitirão assistir a praticamente qualquer programa de TV em 3D. E apesar de não esperarmos que estes sistemas funcionem perfeitamente no seu primeiro ano de lançamento, a CNet testou a versão de demonstração da Toshiba e ele pareceu funcionar direitinho.

  • As TVs 3D gastam mais energia?

Essa é uma pergunta ainda difícil de ser respondida. Os fabricantes não dizem nem que sim nem que não, enquanto outras fontes, como Bruce Berkoff, da Associação de TV LCD, dizem que não. No entanto, se você levar em consideração que os óculos bloqueiam luz é de se imaginar que as configurações da TV precisam ser mais claras e por consequência, necessitam de mais energia. Mas ainda é muito cedo para esse tipo de especulação.

  • As TVs 3D já vêm com os óculos? Quantos?

A Sony afirma que a LX900 terá dois pares de óculos, enquanto os modelos da Panasonic (VT25) e Toshiba (Cell TV) terão apenas um par. P.S.: Aqui no Brasil, o termo ‘um par de óculos’ refere-se a um único produto para ser utilizado por uma única pessoa. Ainda não existe a previsão de lançamento destes aparelhos, então fica difícil saber como serão as coisas por aqui.

  • Quanto vai custar uma TV 3D?

Ainda é muito cedo pra se saber o valor exato dos novos aparelhos de TV 3D, mas a expectativa é de que eles custem menos do que custavam os aparelhos de plasma e LCD quando foram lançados. O que já se sabe é que os óculos deverão custar cerca de US$ 100 cada um. P.S.: Aqui no Brasil, uma TV de plasma de 42 polegadas custava cerca de R$ 33 mil, o que nos faz imaginar que as TVs 3D cheguem ao Brasil por, pelo menos, uns R$ 25 a R$ 30 mil, e que cada óculos custe de R$ 250 a R$ 300.

  • Eu preciso de uma TV 3D agora?

Só se você for um cara que adora ter tudo que é tecnológico antes de todo mundo, também conhecido como early adopter. Pelos testes feitos até o momento, a TV 3D realmente traz um fator de surpresa para quem a experimenta: a sensação é bem semelhante à que é vivenciada dentro de uma sala de cinema, mas ainda é muito cedo para sabermos se dentro de casa, sob diferentes condições de luminosidade e ângulos de visão, a sensação se manteria inalterada.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: